O site da GeniusyMeios usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Andrea Bocelli esgota MEO Arena
Num concerto esgotado com cinco meses de antecedência, Andrea Bocelli é o convidado da Renascença para assinalar os 80 anos da estação de rádio, cuja história se confunde com a do Portugal contemporâneo.
Vai ser no dia 25 de março, no MEO Arena, em Lisboa – e será um dos pontos altos das comemorações deste aniversário tão especial.
 
À extraordinária oportunidade de assistir à interpretação do tenor mais apreciado do mundo, que conseguiu por o belcanto nas bocas do mundo com êxitos tão estrondosos como Con te Partirò, junta-se a sumptuosidade de um concerto com 130 pessoas em palco: uma Orquestra de 70 elementos e um Coro de 60 vozes. 

A primeira parte deste concerto histórico compreenderá as mais conhecidas e amadas áreas de ópera, tornadas inesquecíveis na voz de Andre Bocelli. Na segunda parte poderá esperar os maiores sucessos da sua longa carreira, o que inclui temas do último álbum: Cinema.
 
Ana Moura, convidada especial
Para tornar esta noite ainda mais especial e inesquecível, Ana Moura vai subir ao palco do MEO Arena para uma participação especial neste concerto. Uma das mais aclamadas e reconhecidas fadistas contemporâneas empresta uma sonoridade ainda mais especial ao Concerto do Ano!


Sobre Andrea Bocelli
Com uma das melhores vozes de todos os tempos, Andrea Bocelli assumiu-se como um prodígio nos anos 1990 – são muito poucos os que podem contar com mais de 80 milhões de discos vendidos em todo o mundo.

Ao aliar a gloriosa tradição do belcanto à sensibilidade e à estética da música moderna, Bocelli conquista o coração e a alma do público dos quatro cantos do mundo, sem nunca sacrificar a integridade da sua arte.

Com dez óperas gravadas – que vão de Werther a Carmen passando por Romeu e Julieta e Tosca – e vários álbuns de música popular, já venceu cinco BRIT Awards e três Grammys.

A sua ligação a Portugal é reconhecida e antiga: em miúdo, para além da música, era o futebol a sua paixão e Eusébio o seu ídolo. Mais tarde, já com a carreira consolidada e considerado unanimemente como um dos melhores entre os melhores, foi Eusébio quem quis conhecer o tenor. 

Com a escolha de Andrea Bocelli para o concerto comemorativo dos 80 anos da Emissora Católica Portuguesa, a Renascença traz-lhe o melhor concerto do ano em Portugal, com um dos maiores nomes da música a nível mundial.
Muito simplesmente, Bocelli é, na música, um fenómeno.

Separador informação